30/09/2014

A alma.



Quando o corpo está ferido, ligeiramente procuramos fazer curativos, tratamentos, soluções de cura.
A casquinha é sinal de estar sarando.
Todo cuidado é pouco para não machucar mais.
Mas quando a alma está machucada, em uma sangria desatada, nem sempre damos conta na hora.
Tudo grita, o corpo, a alma, são dores terríveis, dias e noite de lágrimas intermináveis... e mesmo assim não damos conta.
Vamos perceber que a alma está por um fio, quando estamos á um passo do abismo pessoal interno.
Ou seja, tarde demais.
Que tristeza, que agonia.
Aflição.
Os males do mundo pendurados em uma mochila nas costas.
Tudo pesa, até o fato de estar doentinho é um peso e chato.
É, somos uma maquininha complicada.
Somos, e muitas vezes nem percebemos que deixamos de ser.
Só damos conta disso, quando o velocímetro diminui a velocidade e as imagens começam a fazer sentido e o remédio passa deixar de ser efeito.
Bem feito, quem não mandou cuidar de si.
Quem não mandou olhar pra dentro, se permitir.


12/09/2014

Tenha um amor...

Tenha um amor.
Que seja doce.
Que te complete.
Que não te abandone nunca.
Que seja sua outra metade.
Tenha um  amor.
Tenha amor próprio por favor.
Tenha um amor, nem se seja uma maçã do Amor.
Pare de encher o saco e vá catar o amor, seja lá onde for.





05/06/2014

Não, eu já sou grandinha e sei cuidar de mim sozinha ;) *



Ó pra você.
Pra todos aqueles que pensam mais nos outros do que em si.
Para os que se preocupam por demais da conta em "cuidar" da vida alheia.
Para os que também gostam muito de desejar o mal ao próximo.
Ah loka essa guria!
Que nada!
Apenas de saaco (apesar de não ter propriamente um) cheio dessa gente que não tem o que fazer e gosta, curte uma preocupação alheia.
Aham, e tem. Como tem.
E haja paciência para conviver com esses tipos.
Porém um detalhe sobre a convivência.
Sabe quando a gente chega no ponto em que detestar essas pessoas não tem mais sentido, é indiferente e tu pensa: Poxa, vamos aplicar a prática da boa convivência, ou pelo a da falsidade recíproca e manter um dialogo, ser agradáveis, e blábláblá.
Só que não, não dá!
Pelo simples fato, de que existem nesse pequeno mundo de desafetos e empatias, pessoas que ultrapassam os limites da boa convivência e conseguem tornar o simples fato de sua existência insuportável.
Óh, que guria exagerada!
Áh fala sério, que tu que está lendo isso agora, AMA e ADORA todo mundo!
Não né?
Como eu já falei, ninguém é 100% perfeito, feliz, lindo(a), maravilhoso(a) e todo aquele blábláblá da perfeição, todos temos defeitinhos, alguns mais graves, outros nem tanto, mas o fato é que independente disso tudo, devemos para e pensar, será que não vale mais a pena eu cuidar bem, bem de mim ao invés de me preocupar com os outros, que já são crescidos, criados e vacinados?
Penso, que já bastam os meu problemas, mas já que fazem questão de compartilhar... me chama inbox que eu conto tudo e ainda dou uns boletos para pagar.
Pois se é pra cuidar da minha vida, que assuma minhas contas também.


beijos para os amigos e abraços para os curadores de plantão
 ;)



14/05/2014

Resposta aos cometários ANÔNIMOS de um(a) mal educado(a)***



Em primeiro lugar  gostaria de deixar aqui meu agradecimento para as pessoas que acompanham o Blog e gostam dos textos, que os curtem no face, e que fazem cometários construtivos sobre.

Em segundo lugar, queria deixar claro também que eu não escrevo para agradar ninguém, tão pouco para arrecadar seguidores, admiradores, este Blog serve única e exclusivamente como forma de diversão e uma maneira de poder compartilhar devaneios.

Terceiro, acredito que se for tão ruim assim, o que leva uma pessoa que não gosta do que é divulgado, vir aqui, neste espaço, DIFAMAR e CRITICAR de forma Anonima o meu espaço VÁRIAS VEZES? Qual o problema de dizer de cara limpa que não gosta, tudo bem, acredito que deva ser bem mais fácil, essa forma covarde de expressar o sentimento por algo que não tenha gostado ou até mesmo pela minha pessoa, pois pelo tom dos comentários acredito que NÃO SEJA TÃO ANÔNIMO ASSIM.

Caro leitor ANÔNIMO insatisfeito, não me interessa se você gosta ou não do que é divulgado aqui, só quero deixar claro que isso não lhe da o direito de vir ser MAL EDUCADO, e mais um detalhe, PARE NA FRENTE DO  ESPELHO, analise bem seu corpo, e se ele for perfeitinho, pense bem no que eu vou te dizer agora, EU POSSO ATÉ SER "UM MONTE DE BANHA" MAS COM CERTEZA NÃO SOU MAL EDUCADA A PONTO DE SAIR POR AÍ DIFAMANDO AS PESSOAS EM REDES SOCIAIS.

um abraço e até a próxima.